Subscribe Now

Trending News

WhatsApp – em breve, uma alternativa de pagamento
Geral

WhatsApp – em breve, uma alternativa de pagamento

Powered by Rock Convert

Em breve, os mais de 120 milhões de usuários do WhatsApp no Brasil terão uma nova alternativa para fazer pagamentos. No último dia 30/03, o Banco Central autorizou o Facebook, dono do WhatsApp, a iniciar pagamentos pelo seu aplicativo de mensagens instantâneas. Também autorizou a Visa e a Matercard a participar do processo como arranjos de pagamento para transferência de depósito e pré-pago em reais somente no Brasil.

Neste primeiro momento, o WhatsApp somente poderá iniciar o pagamento. A movimentação de valores será na conta corrente do usuário vinculada à instituição financeira na qual mantém a conta. A autorização da funcionalidade de compra ainda continua em análise pelo Bacen.

A funcionalidade ainda não está disponível no aplicativo, na prática, deverá ter o mesmo desenho  que o WhatsApp desenvolveu em junho de 2020, quando usou aplicativo por uma semana e em seguida o Bacen e o Cade (Conselho Administrativo de Defesa Econômica) barraram as transações alegando riscos operacionais e de concorrência de mercado.

Espera-se que ao disponibilizar o serviço para os usuários, o WhatsApp libere a funcionalidade de pagamento (ícone) na opção de anexar, onde hoje já tem: documento, câmera, galeria, contato e outros.            Previamente, o usuário deverá cadastrar no aplicativo seus dados pessoais e o número do cartão de débito ou cartão pré-pago da instituição financeira da  qual é cliente. Dessa maneira, quando quiser fazer um pagamento, não precisa sair do WhatsApp  e entrar no aplicativo do banco para efetivar a transferência. Por exemplo, você foi o responsável por comprar um presente de R$ 500,00 para um amigo,   o valor será divido entre você e mais quatro pessoas do seu relacionamento. Assim que você mandar a mensagem para eles informando a compra do presente e o valor que cada um precisa pagar, na própria conversa, eles poderão iniciar o pagamento para você, desde que também  tenham cadastrado no WhatsApp os dados pessoais e o número do cartão do banco.

A transferência, através do WhatsApp, será  um facilitador de pagamentos. Parece pouco, já que o PIX foi bem aceito pelo mercado e já faz transferências de valores em segundos. Por sinal, futuramente a funcionalidade do WhatsApp  será integrada ao PIX.  Mas, o principal objetivo do WhatsApp é de oferecer outros  serviços para os seus clientes e cativá-los pelo uso do aplicativo.  De início, a funcionalidade estará disponível  somente para pessoas físicas e provavelmente  não haverá cobrança de tarifas sob as transações. Já, para os comerciantes, o aplicativo cobrará um percentual ainda não definido  sobre o valor transferido. Porém, o Bacen ainda não autorizou as transações para fins comerciais.

Vale alertar aos usuários quanto o fator de segurança. Como qualquer outra ferramenta digital que necessite dos dados pessoais dos usuários, em hipótese alguma, as pessoas deverão passar a senha do aplicativo  ou responder um  SMS com o código solicitado. Toda a atenção é pouca quando se trata de segurança. Agora, é esperar o aplicativo liberar a funcionalidade de pagamento para conhecer as condições e possibilidades de uso.

Sobre o Autor: Joni Tadeu Borges, especialista em Administração de Empresas com área de concentração em Comércio Exterior, e MBA em Finanças Corporativas e Gestão de Riscos. Professor de cursos de graduação e pós-graduação do grupo Uninter, em disciplinas na área de Comércio Exterior, com três livros publicados.

As opiniões expressadas nos artigos não refletem necessariamente a posição institucional do Centro Universitário Internacional Uninter. 

Posts relacionados

Deixe uma resposta

Campos obrigatórios *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.