Subscribe Now

Trending News

Transição de carreira e recolocação no mercado: veja os desafios!
Pós Graduação

Transição de carreira e recolocação no mercado: veja os desafios!

Aquela paixão que você tinha pela sua profissão parece ter passado? Você não levanta mais com o mesmo ânimo para ir trabalhar? A transição de carreira e recolocação no mercado podem mudar essa sua realidade, porém não é tão simples. Existem desafios e é necessário identificar em quais situações considerar uma mudança de emprego.

É importante reforçar que a transição de carreira nem sempre é sinal de uma mudança radical — algumas pessoas podem trocar de Direito para Medicina, claro, mas outras mudam apenas de setor ou buscam por novas oportunidades dentro da própria área de atuação em uma mesma empresa. Cada uma dessas escolhas, porém, requer reflexão e análise por parte do profissional.

Pensando nisso, neste post vamos falar sobre o que você deve considerar antes de tomar uma atitude, quais os principais desafios da recolocação no mercado e como abraçar as melhores oportunidades nesse processo. Continue a leitura e descubra!

Quando considerar uma transição de carreira?

Um motivo forte para se fazer uma transição de carreira é o desemprego, entretanto, isso não é uma condição para tal. A constante mudança que atinge não só a maneira como vivemos nossa vida pessoal também interfere diretamente no nosso dia a dia profissional.

Algumas carreiras são famosas por não se estabilizarem, como as profissões ligadas à tecnologia, graças ao movimento de modernização do mercado. Nesse sentido, é sempre bom ter um plano B.

Um pouco diferente do que se entende por mudança — processo situacional, como o desemprego, e que pode ser até mesmo repentino —, a transição envolve adaptação e renúncia. Sendo assim, a transição é o que antecede a mudança, ou seja, ela é o preparo para o novo. Uma oportunidade para a evolução profissional, para a busca por capacitações e especializações e, consequentemente, novas possibilidades.

Quando começamos a trabalhar, firmamos algumas metas e objetivos, mas nem sempre os caminhos se alinham a elas, o que cria um desconforto, além da falta de motivação. Isso acontece por diferentes motivos, desde um mercado de atuação em decadência até problemas pessoais. A transição de carreira aparece como uma chance de buscar a satisfação, encontrar de novo aquela força de vontade que já existiu em você algum dia.

Existem três momentos que demonstram que é a hora de se considerar a transição de carreira, começando pelo desconforto em relação a algum fator profissional ou pessoal no emprego atual, passando pelo entusiasmo com a possibilidade de mudança e culminando na decisão de romper com o velho para explorar o novo — seja em outra oportunidade de emprego ou empreendendo com um negócio próprio.

Quais os desafios encontrados na recolocação no mercado?

A bagagem que você já tem por conta da sua carreira atual é um ponto que ajuda na recolocação. Porém, alguns desafios são inevitáveis e o mais importante é reconhecê-los para lidar com eles da melhor maneira possível.

CTA-UNINTERPowered by Rock Convert

Mercado de trabalho

O mercado de trabalho passa por mudanças a todo momento e os profissionais inseridos nele precisam se adaptar para não ficar para trás. Muitas das vezes, é nesses momentos de transformação que a transição de carreira parece ser algo palpável, pois estamos falando mais de uma necessidade do que de um desejo. Contudo, não podemos esquecer de buscar o equilíbrio entre essas duas situações.

Tempo e dedicação

Para começar uma nova carreira é preciso mais do que a vontade de mudar. Isso porque o seu tempo extra, ainda no processo de transição, deve ser dedicado ao seu novo objetivo de vida. Esse é um desafio que vai acabar exigindo esforço da sua parte, já que o cansaço em alguns momentos será inevitável, mas o importante é não desistir e ser persistente.

Uma transição de carreira vai exigir de você novos conhecimentos. Quando a mudança é dentro de uma grande área, por exemplo, de Direito Trabalhista para Direito Criminal, o profissional traz consigo um aprendizado que poderá ser aproveitado, facilitando a situação.

Já a ida da Administração para Letras pode ser algo mais complexo, mas trazer as habilidades administrativas para o dia a dia na sala de aula é um recurso que dará confiança e, consequentemente, satisfação.

Gosto pessoal

Por falar em satisfação, um dos fatores mais importantes na hora de se recolocar no mercado é o seu gosto pessoal. Essa alteração de área pode ser resultado de uma escolha forçada, seja por questões salariais, seja por influência de familiares e amigos. Por isso, não deixe que essas questões interfiram na sua decisão outra vez, coloque entre suas prioridades aquilo que faz bem a você.

Sabe aquela pessoa que a vida inteira foi boa de conversa e argumentos? Provavelmente você já ouviu dizer que ela seria advogada. Já imaginou se ela acredita que basta isso para fazer Direito, segue esse caminho e lá na frente descobre que gosta mesmo é de números e deveria ser engenheira? Com uma transição de carreira e recolocação no mercado, isso é possível.

Momento certo

Como vimos, quando a mudança vem com intensidade, é primordial saber planejar e esperar o momento certo. Fazer tudo no impulso, além de ser um risco desnecessário, pode acabar prejudicando sua carreira por um bom tempo até você se organizar outra vez.

Quais as oportunidades no processo de transição de carreira e recolocação no mercado?

As oportunidades para quem quer mudar de emprego são maiores quando a pessoa sabe transformar esse momento em algo prazeroso e sendo confiante no bom resultado desse processo. Isso pode tanto demorar mais tempo do que imaginado quanto ocorrer com rapidez — o importante é enfrentar os desafios com cabeça erguida.

Para ajudar você no processo de transição de carreira e recolocação no mercado, além de uma obtenção de segundo título (opção disponível para quem já tem ensino superior e não precisa necessariamente passar pelo vestibular para entrar na faculdade outra vez), cursos de especialização podem ser uma boa chance de aprender algo novo, em um período menor e também com eficácia.

Viu como a transição de carreira não é um bicho de sete cabeças? Aproveite e saiba mais sobre como a faculdade pode ser um boom para a sua carreira. Boa leitura!

como-se-destacar-no-mercado-e-saber-se-posicionar-nas-redes-sociaisPowered by Rock Convert

Posts relacionados

Deixe uma resposta

Campos obrigatórios *