Subscribe Now

Trending News

Segurança de dados na internet: entenda a importância dessa área
Graduação

Segurança de dados na internet: entenda a importância dessa área

A segurança de dados na internet é mais que um requisito básico em qualquer tipo de empresa, ela é indispensável para as organizações que querem crescer e desenvolver-se de forma eficiente. Junto a isso, a busca por profissionais qualificados aumenta — reflexo de uma área em plena ascensão.

Em poucos anos, passamos do disco flexível para o arquivamento em nuvem, mas nunca deixamos de nos preocupar com a segurança das informações acumuladas no dia a dia empresarial e, até mesmo, da nossa vida pessoal.

Desde os tempos em que era comum perder documentos físicos importantes por roubo ou danos, as transformações tecnológicas vêm modificando o modo como lidamos com a segurança dos dados, informatizando e aumentando a proteção cada vez mais.

Pensando nisso, preparamos este post no qual você vai encontrar tudo sobre a área de segurança de dados. Continue a leitura e descubra!

O que é e como funciona a segurança de dados?

A segurança de dados é a proteção de informações e dados valiosos para uma empresa, sejam eles financeiros, sejam documentos importantes para o pleno funcionamento da organização. As principais funções dos profissionais da área de segurança de dados na internet são:

  • aplicar a criptografia, que converte dados eletrônicos em códigos não acessíveis por qualquer pessoa;
  • facilitar o armazenamento em nuvem, que protege arquivos de possíveis panes em sistemas físicos;
  • gerenciar servidores, que estão em locais remotos — no intuito de evitar danos com invasões e outros problemas físicos em equipamentos.

Atualmente, essa é uma área em crescimento graças ao uso constante de ambientes on-line, em que a demanda é maior por conta de ataques e ameaças, intencionais ou não, além da modificação e destruição não autorizadas de informações.

De uma maneira geral, a segurança de dados perpassa três particularidades: a integralidade, a confidencialidade e a disponibilidade. Elas garantem que as informações manipuladas diariamente on-line ou off-line sejam mantidas originais, com acesso restrito e para uso legal.

Qual é a importância de manter sua empresa segura?

Como vimos, a segurança de dados na internet é importante para empresas de todos os ramos e portes. Isso porque essa é uma maneira eficaz de monitorar o ambiente virtual — que envolve desde dados básicos, como o acesso ao e-mail institucional, até informações de contas e dos clientes.

Sendo assim, a segurança digital dá conta de todos os processos de um negócio. Afinal, a empresa protege os dados financeiros, que em mãos erradas podem prejudicar economicamente um negócio, além de cumprir com os preceitos éticos em relação às informações sobre seus clientes, evitando que esse tipo de dado seja divulgado por terceiros.

Para fortalecer a segurança digital dentro de uma empresa, é necessário atitudes simples, como o uso de senhas fortes, evitar abrir e-mails suspeitos, entre outras. Contudo, um plano para recuperação em caso de um ataque inesperado, mesmo com todos os cuidados básicos, também deve ser elaborado — esse é um dos principais papéis de quem é o responsável pela segurança digital de um negócio.

CTA-UNINTERPowered by Rock Convert

O que diz a Lei Geral de Proteção de Dados?

O acesso à informação no meio digital trouxe muitos privilégios, como a agilidade na maioria dos processos burocráticos. Porém, esse também passou a ser um espaço no qual a segurança deve ser prioridade.

Ninguém quer ter suas informações pessoais divulgadas de modo a prejudicar sua convivência em sociedade. Da mesma maneira, fraudes e acessos indevidos podem influenciar economicamente todo o país. Por isso, o Poder Público regulamentou a segurança de dados por meio da LGPD (Lei Geral de Proteção de Dados), pensando em proteger os direitos fundamentais de liberdade e privacidade, das pessoas físicas e jurídicas.

Outros fundamentos descritos pela lei são:

  • a autodeterminação informativa;
  • a liberdade de expressão, de informação, de comunicação e de opinião;
  • a inviolabilidade da intimidade, da honra e da imagem;
  • o desenvolvimento econômico e tecnológico e a inovação;
  • a livre iniciativa, a livre concorrência e a defesa do consumidor;
  • os direitos humanos, o livre desenvolvimento da personalidade, a dignidade e o exercício da cidadania pelas pessoas naturais.

Quem é o profissional em segurança de dados na internet?

A procura pelo profissional de segurança de dados na internet já é, há alguns anos, uma realidade nas grandes organizações. Isso porque, de acordo com a empresa Norton Security, responsável pelo relatório Norton Cyber Security Insights (provedora global de soluções de segurança na internet), em 2016, no Brasil, mais de 40 milhões de pessoas foram vítimas de ataque cibernético — o país ficou em 4º lugar entre os lugares onde mais acontecem esses casos.

Com isso, o que ganha força no meio acadêmico, técnico e tecnólogo são as formações ligadas à segurança digital, já que algumas das disciplinas estudadas por esses analistas são: rede de computadores, segurança e desenvolvimento de software e análise de danos.

Esses embasamentos teóricos e práticos, além do conhecimento aprofundado de leis, como a LGPD, são básicos para concorrer a uma vaga em empresas preocupadas com a segurança das suas informações. Outras características desse especialista, mais ligadas a habilidades pessoais, são: foco, proatividade e autonomia.

Por que as empresas devem buscar profissionais especializados?

As salas cheias de papel e arquivos gigantescos são cada vez mais incomuns, principalmente nas grandes corporações. Além de ocupar menos espaço físico, o menor custo e a qualidade do armazenamento digital são incontestáveis.

Mas como manter os dados seguros? Algumas dicas são essenciais para empresa e profissional de TI ficarem alinhados nesse quesito. São elas:

  • instalação de certificados digitais – a identidade de uma empresa em um mesmo arquivo eletrônico, em que é possível assinar documentos, emitir notas etc.;
  • realização de backups frequentes – uma rotina de backup é indispensável para uma empresa se proteger de possíveis danos e roubos de dados;
  • autorização limitada de acesso – o acesso limitado aos dados é uma prática que permite identificação dos usuários em diferentes situações;
  • orientação sobre riscos e senhas – o acompanhamento de profissionais qualificados é essencial na criação de senhas realmente fortes, atualizadas sempre que possível.

O conhecimento que um profissional da área de tecnologia da informação tem sobre esse assunto é fundamentado em teorias e práticas essenciais para a qualidade na prestação do serviço. Desse modo, a consultoria de profissionais capacitados é indispensável para a proteção de uma empresa no meio digital.

Agora que você conhece um pouco mais da atuação do profissional de segurança de dados na internet, que tal compartilhar isso com seus amigos? Pode ser que eles também tenham interesse no assunto.

Powered by Rock Convert

Posts relacionados

Deixe uma resposta

Campos obrigatórios *