Subscribe Now

Trending News

Pós-graduação ou MBA: qual é a melhor opção para mim?
Pós Graduação

Pós-graduação ou MBA: qual é a melhor opção para mim?

Para se manter em sintonia com as demandas do mercado de trabalho, todo profissional precisa estar em constante atualização. Isso é o que chamamos de educação continuada, um processo que deve acompanhar o desenvolvimento da carreira e inclui especializações, cursos de curta duração, participação em congressos, simpósios e, até mesmo, capacitações internas na própria empresa.

Contudo, na hora de escolher qual o melhor caminho, é comum haver dúvidas, por exemplo, entre pós-graduação ou MBA, especialmente se for seu primeiro curso. De fato, ambos os contextos são parecidos, mas cada curso tem particularidades que fornecem ferramentas essenciais à atualização profissional.

Então, para ajudar você a compreender qual o melhor tipo de curso para seu perfil, redigimos este artigo. Confira as próximas linhas!

Pós-graduação ou MBA?

Em primeiro lugar, é preciso compreender cada um desses termos. Os programas de pós-graduação compreendem todos os cursos de Ensino Superior que podem ser frequentados por uma pessoa que já tenha conquistado o diploma da graduação.

O objetivo dos programas de pós-graduação é proporcionar aprofundamento em temas específicos de cada área profissional, no entanto, eles também permite, caminhos transversais. Ou seja, nem todo curso exige que a graduação tenha a ver diretamente com o programa de pós-graduação escolhido. Um exemplo disso são profissionais de comunicação que desejam fazer pós-graduação em Educação Física, pois trabalham em uma consultoria esportiva.

O Ministério da Educação (MEC) divide os programas de pós-graduação em lato sensu (sentido amplo) e stricto sensu (sentido estrito).

O foco da pós lato sensu é fornecer um aprimoramento profissional a partir temas relacionados à área de atuação ou áreas correlatas, além de novas ferramentas para o cotidiano do mercado de trabalho. Já a pós stricto sensu é um programa denso, de maior duração e voltado ao ensino e à pesquisa, compreendendo os cursos de mestrado e doutorado.

Mas, e no caso da pós-graduação ou MBA, qual a diferença? Existe um equívoco de que são universos totalmente distintos. Acontece que o que se chama popularmente de “pós-graduação”, na verdade, são os cursos de especialização lato sensu — que fornecem conhecimentos que capacitam o profissional para o mercado de trabalho.

O MBA, sigla para Master of Business Administration, também é uma especialização. Contudo, seu foco é ampliar conhecimentos e habilidades voltadas à administração e/ou negócios. Destina-se a capacitar o profissional para liderança, gerenciamento e tomada de decisões estratégicas. Por isso, é um curso que atrai especialmente executivos, administradores e profissionais interessados em aprofundar seus conhecimentos empresariais e de gestão.

Aqui no Brasil, a sigla MBA tem um caráter diferente de outros países. Nos Estados Unidos, o curso é considerado um mestrado de curta duração.

Quais as características de uma pós-graduação (especialização)?

Confira agora como é o formato e as características de um curso de pós-graduação em nível de especialização. O MEC reconhece os mesmos critérios, tanto nos cursos presenciais quanto na pós EAD (Educação a Distância).

Duração e carga horária

Os cursos de pós-graduação em nível de especialização duram, no mínimo, 360h/aula ― carga horária que geralmente é cumprida entre 1 e 2 anos.

Processo de seleção

Cada instituição tem seu próprio processo seletivo, mas, em geral, a única obrigatoriedade para inscrição é ter em mãos o certificado de conclusão de curso da graduação. Em alguns cursos específicos, podem ser incluídas entrevistas, análise de currículo e até provas.

Não é exigido tempo mínimo de carreira, embora ter experiência de mercado seja um diferencial, pois o aluno conseguirá compreender melhor alguns conceitos.

Trabalho de conclusão de curso e certificado

A exigência do TCC (Trabalho de Conclusão de Curso) tornou-se facultativa após a Resolução 01/2018 do MEC. No entanto, muitas instituições mantêm esse quesito por considerarem importante, do ponto de vista pedagógico.

O certificado, por sua vez, confere ao aluno o grau de “especialista”, e tem validade em todo o território nacional. Vale lembrar que a emissão do documento depende da avaliação de desempenho do aluno e da frequência mínima de 75%.

CTA-UNINTERPowered by Rock Convert

E quais os diferenciais de um MBA?

Os programas de MBA se diferem de outras especializações lato sensu, especialmente por seguirem critérios de qualidade definidos por associações nacionais e internacionais. No Brasil, quem determina esses parâmetros é a Anamba (Associação Nacional de MBA).

Veja, a seguir, as principais características.

Duração e carga horária

Assim como na especialização, o MEC exige que os programas de MBA tenham, no mínimo, 360h/aula. No entanto, as instituições podem observar padrões internacionais que aumentam a carga horária para 480h ou 510h.

Processo de seleção

Os processos seletivos dos programas de MBA, a princípio, seguem os mesmos critérios das especializações. Contudo, especialmente nos cursos presenciais, cujas vagas são bem mais limitadas, as exigências podem ser maiores.

Além disso, os programas podem incluir, até mesmo, módulos realizados em escolas internacionais, o que aumenta a concorrência do curso. Então, é possível haver critérios de admissão como:

  • tempo mínimo de graduação de 3 a 5 anos;
  • apresentação do certificado de graduação;
  • análise de currículo;
  • apresentação de projetos;
  • entrevistas;
  • provas de conhecimentos gerais e específicos.

Currículo

Os programas de MBA contam com um currículo especial. Além das disciplinas específicas daquela área de conhecimento, há vários eixos voltados à área de administração e liderança, tais como:

  • comportamento organizacional;
  • comunicação estratégica;
  • gestão de recursos humanos;
  • gestão empresarial;
  • gestão financeira;
  • marketing;
  • processo decisório;
  • técnicas de liderança;
  • tecnologia da informação.

Trabalho de conclusão de curso e certificado

O TCC também é um quesito opcional no MBA, mas as instituições podem exigir a realização de algum tipo de projeto ou monografia. Além disso, conforme a matriz curricular, é possível obter também dupla titulação (no caso de haver algum módulo internacional), por isso, as exigências são maiores.

O certificado de MBA tem validade em território nacional e pode valer em outros países se o curso for realizado em parceria.

Como acertar na escolha do curso para o seu perfil?

Confira, agora, algumas dicas para escolher com clareza entre uma pós-graduação ou MBA.

Foco da sua carreira

O primeiro critério é saber o que você almeja para sua carreira no momento. Se você terminou a graduação e deseja se atualizar ou complementar algum conhecimento da área, uma especialização é a melhor opção.

Porém, se você já está no mercado e deseja incrementar suas habilidades de gestão, com o intuito de alcançar cargos diretivos, o MBA pode representar um importante diferencial.

Tempo de experiência de mercado

O MBA é um curso, sem dúvida, para quem já tem certa experiência de mercado. Alguns programas, inclusive, colocam tempo mínimo de graduação como exigência para ingresso. Os cursos de especialização, por sua vez, são bem mais livres nesse aspecto e recebem até mesmo pessoas recém-formadas. Vale lembrar que cada instituição tem seus próprios critérios de aceite.

Curso presencial, semipresencial ou EAD

Uma boa notícia é que existem todas essas opções de modalidade de curso. De acordo com seus objetivos, perfil e disponibilidade de horário é possível escolher um curso presencial ou a distância.

Os cursos presenciais possuem uma grade curricular menos flexível e exigem que você se desloque até a instituição, especialmente para ter presença registrada. Já os semipresenciais dividem o curso entre estudo on-line e aulas presenciais. A EAD, por sua vez, é a forma mais flexível, que dá a você a possibilidade de estudar de acordo com seu ritmo. Se houver eventuais encontros presenciais, eles são agendados com bastante antecedência.

No caso do MBA, é muito comum a modalidade semipresencial, já que boa parte dos executivos tem uma agenda comprometida. A exceção fica para módulos internacionais, em que você participa de viagens ou então professores da escola parceira vêm ao Brasil para momentos de imersão com os alunos.

Agora você já sabe qual a diferença entre pós-graduação ou MBA. Então não perca tempo e entre contato conosco para saber mais sobre nossos cursos!

como-se-destacar-no-mercado-e-saber-se-posicionar-nas-redes-sociaisPowered by Rock Convert

Posts relacionados

Deixe uma resposta

Campos obrigatórios *