Subscribe Now

Trending News

Pós-graduação em Psicologia: 3 opções para você se especializar
Pós Graduação

Pós-graduação em Psicologia: 3 opções para você se especializar

Todo profissional que deseja ter um pouco mais de destaque no mercado de trabalho deve investir em conhecimento para melhorar as suas oportunidades. Pensando nos psicólogos, é importante conhecer as opções de pós-graduação em Psicologia.

Ter o título de especialista é uma ótima alternativa tanto para poder atuar em uma área específica quanto para mudar os rumos da carreira. Porém, é preciso identificar um segmento interessante e encontrar um curso de qualidade, não é mesmo?

Para ficar por dentro do assunto, neste post vamos explicar qual é a importância das especializações em Psicologia, apresentar algumas opções disponíveis e mostrar como escolher a melhor para você. Acompanhe!

Qual é a importância da especialização em Psicologia?

Assim como várias outras graduações, a Psicologia é um curso bastante abrangente. Isso quer dizer que o estudante tem contato com diversos tipos de teorias e assuntos ao longo dos estudos, que são fundamentais para a formação de um profissional generalista.

Contudo, o aprofundamento em um determinado campo do conhecimento é uma excelente oportunidade de desenvolver novas habilidades e, ainda, conquistar a capacitação necessária para atuar em casos mais complexos ou específicos. Ou seja, escolher uma área de especialização é como ganhar um diferencial para exercer a profissão.

Nesse sentido, o psicólogo graduado tem duas opções de caminho na pós-graduação: lato sensu e stricto sensu. A última é dividida em mestrado e doutorado, sendo mais voltada para quem deseja seguir a carreira acadêmica.

Para aqueles que não têm o objetivo de atuar como professor ou pesquisador, a outra direção é a mais recomendada. A questão é qual vertente escolher para iniciar a especialização em Psicologia.

Pensando nisso, trouxemos três alternativas de cursos oferecidos pela Uninter. Veja os detalhes de cada um para descobrir com qual tipo de carreira você se identifica mais.

1. Psicologia Clínica: Terapia Cognitivo-Comportamental

A prática clínica está entre as mais desejadas pelos alunos de Psicologia. Basicamente, o trabalho consiste no atendimento dos pacientes para oferecer um tratamento individualizado.

A formação generalista nem sempre proporciona todas as ferramentas e a segurança necessária para realizar esse serviço. Sendo assim, a especialização é uma das melhores maneiras de conhecer a área e aprimorar tal competência.

O estudo aprofundado da Terapia Cognitiva-Comportamental (TCC) garante o domínio dessa abordagem psicoterapêutica, que é considerada como uma das técnicas mais eficazes nos dias de hoje — principalmente para tratar transtornos mentais e de fundo emocional.

De forma geral, a tarefa primordial do aluno é compreender como as emoções se transformam em determinados comportamentos. Segundo a coordenadora da pós, Renata Paranhos, a TCC é válida para todas as técnicas da Psicologia Cognitiva, mas é mais comum e costuma apresentar melhores resultados em crianças ou adolescentes.

Ela destaca temas relevantes que podem ser tratados seguindo essa ótica, como os casos de depressão, anorexia, obesidade, drogas, ansiedade, suicídio e outros transtornos. Na realidade, são 480 horas de dedicação que podem incluir também outros tópicos atuais que fazem parte das realidades vividas pelos pacientes.

2. Psicologia do Esporte

Esse é o campo dedicado ao acompanhamento e tratamento de atletas de alto nível ou simplesmente de pessoas que praticam atividades físicas. Para Emerson Micaliski, o coordenador da pós-graduação de Psicologia do Esporte, “o propósito é sempre melhorar o desempenho esportivo a partir da qualidade da experiência do exercício físico”.

Em outras palavras, é oferecer para os atletas e praticantes uma forma de controlar seus pensamentos e emoções a fim de ter um desempenho melhor. Por exemplo, ajudá-lo a lidar com questões como a convivência em grupo e a competitividade natural desse tipo de ambiente.

CTA-UNINTERPowered by Rock Convert

O curso pode ser feito por profissionais de qualquer área e tem 360 horas, embora o aluno possa adquirir o módulo de TCC. O corpo docente é formado por mestres e doutores com experiência no assunto, o que não se encontra em qualquer instituição.

Ainda que seja um segmento relativamente novo, Emerson afirma que as perspectivas são muito positivas: “hoje, a maioria dos grandes clubes têm um profissional dessa área que desenvolve esse papel com os atletas” — seja de forma temporária ou permanente, há espaço no mercado para esse especialista.

3. Psicologia Organizacional e do Trabalho

Outro foco de atuação profissional para o psicólogo é o ambiente corporativo. Cada vez mais as empresas e instituições têm percebido a importância de lidar com o bem-estar dos seus funcionários, seja para promover a produtividade ou por outros motivos.

Na parte de gestão organizacional, também é comum encontrar profissionais formados em Psicologia, sobretudo no setor de Recursos Humanos. Por conta desses desafios, fazer a pós-graduação e assegurar o título de especialista é capaz de abrir muitas portas no mercado de trabalho.

Renata Paranhos, coordenadora do curso, garante que essas são as duas frentes exploradas nas 480 horas da pós de Psicologia Organizacional e do Trabalho. Para completar, ela aponta o diferencial da psicopatologia. “Os psicólogos organizacionais têm que estar com a psicopatologia em dia, porque podem ocorrer transtornos mentais”.

Isso reforça a preocupação da instituição em ter uma grade curricular atualizada e condizente com as demandas do mercado. O intuito é fazer com que o estudante entenda melhor o cérebro do trabalhador, para que isso seja utilizado como uma ferramenta de desenvolvimento.

Um detalhe interessante desse curso é o fato de ser aberto para outras graduações, em especial para quem atua com RH — apesar de o foco maior ser para psicólogos. Um administrador, por exemplo, pode aproveitar a chance de ter uma visão mais humanizada.

Como escolher a ideal?

Depois de conhecer as principais características dos cursos citados acima, o que resta é repensar o seu plano de carreira e perceber como uma pós-graduação em sua área de interesse é capaz de facilitar a sua ascensão.

Escolher a melhor especialização é uma tarefa que exige dedicação por parte do aluno. É preciso pesquisar as tendências do mercado, refletir sobre as suas preferências e procurar uma instituição de ensino que atenda às suas expectativas.

Nesse caso, vale ter o cuidado de investigar a fundo cada oportunidade de curso para tomar uma decisão bem fundamentada. Para isso, confira algumas dicas rápidas:

·        verifique a infraestrutura e as facilidades oferecidas pela faculdade;

·        observe com calma a grade curricular;

·        procure saber sobre a qualificação do corpo docente;

·        certifique-se de que o curso é reconhecido pelo MEC (Ministério da Educação).

Como vimos, fazer uma pós-graduação em Psicologia é um grande diferencial na formação do psicólogo, uma vez que a graduação oferecida é tão abrangente. Por isso, agora que já sabe da importância dessa especialização para a sua carreira, não perca tempo e encontre a melhor alternativa para você!

Para saber maiores detalhes sobre os cursos da Uninter ou tirar as suas dúvidas, entre em contato conosco!

como-se-destacar-no-mercado-e-saber-se-posicionar-nas-redes-sociaisPowered by Rock Convert

Posts relacionados

Deixe uma resposta

Campos obrigatórios *