Subscribe Now

Trending News

Como aprimorar as suas habilidades gerenciais?
Graduação

Como aprimorar as suas habilidades gerenciais?

Se você está em um posto de liderança, já deve ter percebido o quanto ter habilidades gerenciais bem desenvolvidas faz a diferença para a produtividade e os resultados de sua equipe. Mais que delegar tarefas e preservar uma hierarquia na qual você se encontra no topo da pirâmide, o papel de um líder é entender o complexo contexto de seus subordinados e tomar as atitudes mais coerentes para que eles consigam realizar um trabalho focado e de alta qualidade.

Isso implica compreender as capacidades técnicas da equipe, os diferentes estilos de personalidade, as aptidões individuais e adotar uma série de estratégias para que o clima organizacional se mantenha harmônico, ao mesmo tempo em que os objetivos da organização permaneçam em foco.

Aí está a diferença entre um líder e um chefe. Enquanto este último é uma figura tradicional, tida como “manda-chuva”, o líder tem uma imagem pessoal que representa uma posição fundamental na equipe e que pode determinar o sucesso ou o fracasso de um negócio.

Pensando nisso, fiz este post para que você entenda a importância de aprimorar habilidades gerenciais e como fazer isso. Confira!

Qual é a importância de ter habilidades gerenciais arrojadas?

Habilidades gerenciais podem ser definidas como atributos que um gestor deve ter para realizar tarefas específicas em uma organização. Isso inclui desde a capacidade de desempenhar funções executivas, evitando situações de crise e resolvendo prontamente os problemas, até um olhar mais humanizado para a realidade dos colaboradores.

As habilidades gerenciais podem ser desenvolvidas por meio do aprendizado e da experiência prática como gestor e auxiliam para que você consiga relacionar-se com seus colegas de trabalho e saiba lidar bem com seus subordinados, o que facilita o fluxo de atividades na organização.

Sem dúvida, o gerenciamento não é uma tarefa simples. Por esse motivo, existe a hierarquia, a estrutura organizacional e as possibilidades de cada membro da organização, com conhecimento, experiência e habilidades adequadas para passar do nível inferior para o médio e superior da pirâmide administrativa.

Quando falamos sobre habilidades gerenciais, referimo-nos às habilidades de um gerente para manter alta eficiência na maneira como seus funcionários concluem suas tarefas diárias. Por esse motivo, os gerentes devem construir um arsenal de técnicas que os ajudarão a gerenciar pessoas e tecnologia para garantir a realização eficaz e eficiente de seus objetivos e metas.

O famoso executivo, escritor e cineasta norte-americano Robert Katz (1933-2010) dividiu as principais habilidades gerenciais em 3 tipos.

  1. Habilidades técnicas: habilidades que dão aos gerentes a capacidade e o conhecimento para usar uma variedade de técnicas para alcançar seus objetivos. Essas habilidades não envolvem apenas a operação de máquinas e softwares, ferramentas de produção e equipamentos, mas também as habilidades necessárias para aumentar as vendas, projetar diferentes tipos de produtos e serviços e comercializá-los.
  2. Habilidades conceituais: envolvem conhecimentos, capacidade de pensamento abstrato e formulação de ideias, com o objetivo de ter uma visão holística do cenário organizacional, para diagnosticar problemas e encontrar soluções criativas.
  3. Habilidades humanas ou interpessoais: representam a capacidade dos gerentes de interagir, trabalhar ou se relacionar efetivamente com as pessoas. Essas habilidades permitem que os gerentes utilizem o potencial humano da empresa e motivem os funcionários a obter melhores resultados.

De que forma é possível melhorar as habilidades gerenciais?

A seguir, apresentamos algumas habilidades essenciais de gerenciamento que qualquer líder deve apresentar para desempenhar suas funções com excelência.

Invista em relações interpessoais

Criar um ambiente favorável ao convívio, em que as pessoas consigam estar mais próximas, favorece o aumento da produtividade e oferece resultados positivos para todos ― empresa e os próprios colaboradores, que terão maior bem-estar.

Sendo assim, aproxime-se de seus subordinados, mantenha uma comunicação clara e transparente, reconheça pontos discordantes e resolva os conflitos imediatamente. Além disso, fomente o respeito mútuo e permita que todos os colaboradores tenham voz e participem efetivamente do processo decisório.

CTA-UNINTERPowered by Rock Convert

Reconheça forças e fraquezas em seu time

Pontos fortes e fracos desempenham um papel importante na determinação de quais são as potencialidades de cada colaborador. Essas informações permitem que você tome decisões mais inteligentes sobre atribuições, aprofundam análises de desempenho e garantem que todo o time melhore sua performance.

Por isso, como líder, um dos seus trabalhos mais importantes é descobrir esses pontos fortes e fracos e usar esse conhecimento para gerar produtividade e engajamento na equipe.

Use gatilhos mentais

Os gatilhos mentais são estímulos que conduzem o cérebro a uma tomada de decisão. Muito usados pela área de marketing e vendas em momentos-chave para convencer clientes em potencial a fechar um negócio, esses gatilhos também podem ser adotados quando se deseja engajar seus colaboradores em alguma ação importante.

Como o pensamento humano basicamente funciona de duas formas (rápida, mais emocional; ou devagar, mais ponderada e racional), os gatilhos são importantes para estimular uma resposta favorável ao que se deseja. Essa poderosa técnica de convencimento utiliza os cinco sentidos humanos e busca uma resposta rápida e favorável.

Utilize técnicas de motivação

A capacidade de motivar é outra habilidade importante em uma organização. Existem inúmeras táticas de motivação que os gerentes podem usar e a escolha das corretas pode depender de características, como cultura da empresa e da equipe, personalidades e muito mais.

Existem dois tipos de motivação que um gestor pode explorar: as motivações intrínseca e extrínseca. A primeira diz respeito à motivação inata de um indivíduo, ou seja, é interna e não depende de fatores externos para que ele faça as coisas acontecerem. A outra é baseada em recompensas e incentivos que impulsionam uma pessoa a agir ― premiações e bônus salarial por metas atingidas, por exemplo.

Amplie suas habilidades de comunicação

Habilidades de comunicação são cruciais para um líder, pois determinam quão bem as informações são compartilhadas em toda a equipe, garantindo que o grupo atue como uma força de trabalho unificada.

A comunicação envolve o fluxo de informações ― formal ou informal, verbal ou escrito, vertical ou horizontal ― e facilita seu bom funcionamento. Apoiado por canais de comunicação claramente estabelecidos, você não apenas colabora com a equipe, como evita conflitos e resolve problemas mais rápido.

Além disso, um líder com boas habilidades de comunicação pode relacionar-se bem com os funcionários e, portanto, é capaz de atingir as metas e os objetivos da empresa facilmente.

Invista em cursos e especializações

Para que suas habilidades gerenciais sejam ampliadas, é fundamental manter-se atualizado. Um bom exemplo disso é se debruçar sobre cursos focados na carreira de gestão.

Seja optando por uma segunda graduação, seja escolhendo programas de pós-graduação, investir na chamada educação continuada torna-se um importante diferencial para que você alcance uma liderança arrojada e estreite o contato com instrumentos gerenciais cientificamente comprovados.

Se você chegou até aqui, certamente está empenhado em desenvolver suas habilidades gerenciais. Por isso, conheça agora mesmo nosso curso de pós-graduação a distância em Liderança e Coaching e aumente sua qualificação profissional!

Posts relacionados

Deixe uma resposta

Campos obrigatórios *